A Fé - Saiba Como Aumentar a Sua e Conquistar o Impossível

A verdadeira fé que tem valor diante de Deus é um poder vivo e salvador, que por meio da pregação da Palavra é conferida por Deus ao coração trazendo a paz


A fé
A fé é o que nos movimenta e nos faz crer no milagre

Destrói toda maldade, vaidade, ambição pecaminosa e egoísmo, nos tornando como crianças para com a malícia, etc. 

Esta é a fé que as Escrituras nos ensinam, e não uma vã, morta e infrutífera ilusão, como o mundo imagina.

Sim, querido leitor, a verdadeira fé cristã, como as Escrituras a requerem, é tão viva, ativa e forte em todos aqueles que por meio da graça de Deus a obtiveram, que não vacilam, vigiando em testemunho e estudos contínuos na Palavra do Senhor. 

É certo que a fé realiza tudo plenamente, sendo que Deus não pode faltar com as suas promessas, mas que as cumpre, pois Ele é a verdade e não pode mentir, como está escrito, por isso é que a fé torna aos crentes generosos, otimistas e alegres no Espírito, ainda que estejam confinados em prisões e cadeias ou sofram. Porque a fé coloca em seus corações a segurança que Deus não faltará com as suas promessas, mas que as cumprirá no seu devido tempo. 

Creem em Cristo, no qual a promessa tem sido confirmada, reconhecem por intermédio d'Ele, a Sua graça, palavra e vontade, apesar de terem vivido em tempos passados tão impiamente e de acordo com a carne. 

Não, leitor amado, não cremos que a fé tenha valor por si mesma, de nenhuma maneira, mas que o beneplácito de Deus uniu a sua promessa com a verdadeira e genuína fé por meio da palavra. A fé salva não por seus próprios méritos, mas pela promessa que traz consigo. Observe que a verdadeira fé Cristã por meio da graça, é a única fonte da qual fluem não somente uma vida nova, mas obediência para com as cerimônias evangélicas tais como o batismo e a Ceia do Senhor; não como uma imposição da lei, pois o cetro da opressão está destruído, mas pelo espírito submisso e voluntário do amor, o qual, a semelhança da natureza de Cristo está disposto e ansioso para toda boa obra em obediência quanto a santa e divina Palavra. 

Justificação pela Fé

Aqueles que confiam em suas obras ou cerimônias para obter a salvação, negam a graça e méritos de Cristo. Porque se a reconciliação consistisse em obras e ritos, a graça seria desnecessária e os méritos e virtude do sangue de Cristo, seriam vãos. 

Oh, não! É graça e será graça por toda a eternidade o que o misericordioso Pai fez mediante o Seu amado Filho e Espírito Santo, por nós, pobres pecadores. O fato de que fugimos das obras pecaminosas e desejamos amoldar-nos dentro da nossa imperfeição a sua Palavra e mandamentos, se deve a que Ele tem ensinado, e requer isto de nós. 

Porque qualquer um que não andar de acordo com a sua doutrina, mostra pelas suas obras que não crê nele e não o conhece, e que não está na comunhão dos santos. (João 15:7;1ª João 3:10; 5:10; 2ªJoão cap.6).

Ensinamos enfaticamente que não poderemos ser salvos nem agradar a Deus por obras externas, não importa quão grandes e boas pareçam, pois em todo caso estão sujeitas a imperfeição e debilidade e considerando a corrupção da carne não poderemos, por seu intermédio, conseguir a justificação requerida nos mandamentos. 


Manifestemos, portanto, somente a Jesus Cristo que é a nossa única e eterna justificação, reconciliação e propiciação com o Pai, e não confiemos nas nossas próprias obras. Leitor meu, escrevo a verdade em Cristo e não minto. Observe leitor amado, que não cremos nem ensinamos a salvação pelas nossas obras e méritos, como os nossos antagonistas nos acusam sem nenhum fundamento, mas somente por graça, por meio de Cristo Jesus como já foi dito: Em nome do Pai, e do Filho (Jesus), e do Espírito Santo.


Essa mensagem foi enviada para nós e será vista por milhares de pessoas, se você também tem alguma mensagem e quer que milhões de pessoas conheça sua obra, mande para nós. Mande para o e-mail: conhecimentosdopai@gmail.com


DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO